Subscribe
Add to Technorati Favourites
Add to del.icio.us
segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Quero falar-te

Publicada por bulgari

Jessica Alena



caí no silêncio há vários dias. quero falar-te das horas incandescentes que antecedem a noite e não sei como fazê-lo. às vezes penso que vou encontrar-te na rua mais improvável, que nos sentamos diante do rio e ficamos a trocar pedaços de coisas subitamente importantes: a tua solidão, por exemplo. mas depois, virando a esquina, todas as esquinas de todos os dias, esperam-me apenas as aves que ninguém sabe de onde partiram.


vasco gato

2 comentários:

urge_beijar disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

tenho fome de um sabor que não conheço.
outrora seria uma projecção da esperança.
agora é um resquício dos teus beijos...