Subscribe
Add to Technorati Favourites
Add to del.icio.us
sábado, 19 de julho de 2008

Juramento Sem Bandeira

Publicada por bulgari

Foto: Paulo bandeira

Eu juro. Todos os poetas estão do nosso lado. Eu juro. E juro que, um dia, todos os políticos se transformarão em estrelas rock e que todas as fardas se confundirão com luzes de néon em cidades sem nome. E juro que, um dia, Marc Bolan ressuscitará por detrás de um écran gigante de vídeo. E que em todas as ruas se dançará ao som de Lou Reed. Take a walk on the wild side. E se, um dia, os fascistas no poder se transformarem em balas perdidas na multidão, nós saíremos à rua, nós seremos mais fortes, nada nos calará, nada nos derrubará. Eu juro.

João Peste, em "Juramento sem Bandeira" (1987)



3 comentários:

Camolas disse...

"Quem mais jura, mais mente"
(Sabedoria popular)

Pjsoueu disse...

bulgari:

Não juro; mas afirmo gostei do jeitinho" como apresenta o que pensa neste seu lindo espaço:)

De Pj carinhosamente:)

Susete Evaristo disse...

Vim aqui através da Xica e deparei logo com uma incongruência. Atão éi juramento sem bandeira? Como? Se o bandeira bateu a foto!!!!!!!!